31 de maio de 2011






Vento
frio
que bate
na janela
fere            e         toca a sina

(...e passa)


A vida essa bússola sentida
ultrapassa o flerte.

3 comentários:

Anônimo disse...

Lindo isso, Clayton.
Como explicar essa sua facilidade com as palavras?
Não consigo e nem quero tentar.
Sentir é melhor.
abração
Carlos Brandão

Allanna Sanches disse...

Creitim, gosto da ideia e da estética nos versos. Pode ser uma espécie de estilo seu, mas acho que voce devia se ater mais à pontuação, que, às vezes, dita todo o ritmo da leitura. ;*

aline. disse...

adorei !

muito bom. ;)